Metax Campinas

Rodovia SP 73 - km 10,5

Bairro 3 Vendas - Campinas/SP

CEP: 13053-400

Tel: (19) 3729.6000

  • Metax - Campinas
  • Metax - São Paulo
  • Metax - Ribeirão Preto
  • Metax - Rio de Janeiro

Clique aqui para fechar

Entre em Contato

Metax São Paulo

Estrada da Alpina, nº 30

Parque Industrial Anhanguera - Osasco/SP

CEP: 06276-180

Tel: (11) 3658.6000

  • Metax - Campinas
  • Metax - São Paulo
  • Metax - Ribeirão Preto
  • Metax - Rio de Janeiro
Clique aqui para fechar

Metax Ribeirão Preto

R. Macedo Bittencourt, 445

Vila Virgínia - Ribeirão Preto/SP

CEP: 14030-130

Tel: (16) 3913.6000

  • Metax - Campinas
  • Metax - São Paulo
  • Metax - Ribeirão Preto
  • Metax - Rio de Janeiro
Clique aqui para fechar

Metax Rio de Janeiro

Rodovia Washington Luis, nº 18276 A

Vila Santa Cruz - Duque de Caxias/RJ

CEP: 25265-008

Tel: (21) 2776.6000

  • Metax - Campinas
  • Metax - São Paulo
  • Metax - Ribeirão Preto
  • Metax - Rio de Janeiro
Clique aqui para fechar
  • Português BR
  • Espanhol
  • Inglês

Como a tecnologia ajuda a reduzir desperdícios e melhorar a produtividade

O principal desafio da produtividade, especialmente na construção civil, é o de fazer mais com menos. É preciso encontrar formas de produzir utilizando menos recursos materiais, mão de obra, máquinas e equipamentos. Para que isso ocorra sem impactar a qualidade da obra, é fundamental contar com o apoio de sistemas de apontamento e apropriação.

“De acordo com um estudo sobre Produtividade na Construção Civil, cerca de 30% das queixas recebidas pelas construtoras se referem ao descumprimento de contratos com atrasos na entrega das obras, ocasionados pela baixa produtividade.”

Outro grande problema diz respeito aos desperdícios na construção civil, que podem ocorrer desde o planejamento da obra até a etapa final. Dificilmente consegue-se evitá-los por completo. Os desperdícios podem ser tangíveis, decorrentes do mau aproveitamento dos materiais em todas as etapas da construção, ou intangíveis, como a perda dos prazos ou o aumento de retrabalhos, que influenciam o orçamento final da obra.

“Em relação a isso, dados da USP apontam que as perdas de materiais chegam a 8%, enquanto as perdas financeiras (relativas a custos de retrabalhos, por exemplo) chegam a 30%.”

Todos esses índices impactam diariamente a rotina das principais construtoras e incorporadoras do Brasil. Por isso, meios para aumentar a produtividade e diminuir o desperdício são metas constantes do setor de construção civil, e a tecnologia é uma importante aliada nesse processo.

Continue a leitura e veja como sistemas de apontamento e apropriação na construção podem auxiliar no controle das atividades e na gestão das obras!

Como a tecnologia ajuda a reduzir desperdícios e melhorar a produtividade

Dispositivos móveis como smartphones, tablets e sistemas de gestão digitais podem ser usados no processo produtivo para economizar tempo de planejamento, verificação e cumprimento das tarefas.

Os softwares voltados para a construção buscam, de maneira acessível e com mobilidade, otimizar as demandas das obras e facilitar o dia a dia dos gestores. Eles facilitam a coleta em campo e a rápida compilação de enormes fluxos de dados, visando aumentar a produtividade e minimizar desperdícios.

Assim como todos os demais segmentos econômicos, a construção civil tem muito a se beneficiar com o uso da tecnologia. Inovar é essencial para obter melhores resultados. Por isso, inclua novas ferramentas no planejamento da sua construtora ou incorporadora.

Benefícios dos sistemas de apontamento e apropriação

Com bons sistemas de apontamento de produção, é possível identificar e mensurar com exatidão os indicadores que medem a produtividade na construção, como o controle de serviços executados e equipamentos, o detalhamento de custos, a identificação de retrabalhos e as informações de desempenho.

Já com uma solução específica de apropriação para obras de construção pesada (como pontes, túneis e viadutos), é possível controlar mão de obra, equipamentos, transportes e tempo de execução nas tarefas diárias.

Ambas as soluções permitem realizar análises de desempenho e mensuração de custos para a tomada de decisão, com foco no aumento da rentabilidade e na diminuição de desperdícios. Suas principais funcionalidades podem envolver:

  • Identificação e quantificação dos insumos utilizados por tarefa;
  • Controle do processo produtivo;
  • Análise de custo da mão de obra;
  • Verificação dos custos de materiais consumidos;
  • Análise de custo de transporte e coleta;
  • Apropriação de serviços improdutivos;
  • Informações de horímetro;
  • Outros benefícios diversos.

É indiscutível que as novas tecnologias auxiliam na rotina do canteiro de obras e nos apontamentos diários. Todas essas funcionalidades contribuem para a atualização do orçamento executivo, a avaliação de desempenho dos colaboradores e eficiência no uso de equipamentos, a otimização de recursos e a análise de indicadores pré-formatados, configuráveis e totalmente flexíveis para a necessidade de cada empresa ou gestor.

Cases de sucesso

O mercado dispõe de softwares com alguns diferenciais bem interessantes, como análise de produtividade da mão de obra, com dados reais homem/hora. As novidades permitem ainda avaliar indicadores e o desempenho dos serviços realizados nas construções, bem como identificar e quantificar as atividades de fluxo e conversão (muito empregadas nos conceitos de produção enxuta — ou Lean Construction).

A Construtora Rocha, por exemplo, tem um caso bem sucedido de uso da tecnologia em suas obras. Ela passou a processar os apontamentos diariamente por meio de tablets, conquistando muito mais agilidade na tomada de decisões após a implantação da solução tecnológica.

Anteriormente, a coleta era semanal e processada somente ao final do mês de forma manual. Desta forma, com a otimização das informações, a empresa pôde reverter os desvios identificados em tempo hábil, com foco em aumento da rentabilidade e diminuição de desperdícios, além de padronizar a coleta das informações dos canteiros.

Via Mobuss Construção